Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Newsletter

Nome:
Email:

Uma seleção de museus para o fim de semana

O departamento Cultural e de Turismo da AOJESP preparou mais uma seleção de museus que remete às riquezas do povo brasileiro e suas tradições. Aproveite a lista de vídeos selecionados:   Museu Nacional do Calçado – Novo Humbugo O Museu Nacional do Calçado conserva a memória da atividade coureiro-calçadista do país e reúne um vasto acervo, como calçados desde o século XII e sandálias gregas antigas. No local, são realizadas exposições permanentes e temporárias. As mostras temporárias permitem que seu acervo de milhares de peças seja conhecido pelos visitantes. Já a exposição permanente engloba algumas temáticas específicas, como o Hall da Fama, curiosidades, calçados históricos e bancada de sapateiro, entre outras. https://www.feevale.br/institucional/cultura https://www.guiadasartes.com.br/rio-grande-do-sul/novo-hamburgo/museu-nacional-do-calcado   Museu de Ciências e Tecnologia – PUC-RS – Porto Alegre – Rio Grande do Sul O Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS é um museu brasileiro, localizado na cidade de Porto Alegre, na Avenida Ipiranga 6681, prédio 40, no bairro Partenon, junto à Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS.. Foi inaugurado no dia 9 de dezembro de 1998. É um dos maiores museus interativos de ciências naturais na América Latina, propondo atividades para todas as idades e mostrando áreas de experimento-atrações sobre o Universo, a Terra, Ambiente e o Homem, dentre outros. A área de exposição permanente ao público conta com cerca de 700 experimentos interativos, cobrindo inúmeras áreas do conhecimento. O próprio visitante pode participar das experiências que resultaram no atual conhecimento científico. http://www.pucrs.br/mct/ https://www.guiadasartes.com.br/rio-grande-do-sul/museu-de-ciencias-e-tecnologia-da-pucrs   Museu de Pré-História Casa Dom Aquino – Mato Grosso A Casa Dom Aquino, hoje Museu de História Natural de Mato Grosso Casa Dom Aquino, é um Patrimônio Histórico do Estado. Foi construído pelo patriarca da família Murtinho em 1842, para ser sede da grande Fazenda Bela Vista. A casa em estilo colonial possui traçado arquitetônico em formato de “U” com 12 cômodos e fachada voltada para o rio Cuiabá, que se encontra a poucos metros de distância. Essa característica de fachada de frente para o rio marca um momento da história da cidade de Cuiabá do século XIX, quando a cidade dependia do rio tanto como fonte de pescado como forma de transporte. Hoje esta casa é a única edificação do século XIX da cidade de Cuiabá que guarda essas características. Esta residência é conhecida por alguns historiadores como a ‘Casa Predestinada’, pois nela nasceram duas personalidades ilustres do Estado de Mato Grosso: Joaquim Duarte Murtinho e Dom Aquino Correa. Atualmente abriga o Museu de História Natural Casa Dom Aquino, que foi inaugurado no dia 7 de dezembro de 2006, através de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) e o Instituto Ecossistemas e Populações Tradicionais (ECOSS). O museu possui uma exposição permanente de Arqueologia e Paleontologia e uma reserva técnica. A exposição paleontológica apresenta fósseis de animais da região, organizados cronologicamente, representando a evolução biológica através das Eras geológicas. Fosseis como o do tatu (Pampatherium humboldti) e Preguiça gigante (Eremotherium Iaurillardi), dinossauros (saurópoda), e animais marinhos do período que Chapada dos Guimarães foi mar. http://www.cultura.mt.gov.br/-/2675771-museu-de-historia-natural-casa-dom-aquino   Museu da Gente Sergipana – Sergipe Inaugurado em 26 de novembro de 2011, o Museu da Gente Sergipana Gov. Marcelo Déda é o primeiro museu de multimídia interativo do norte e nordeste, sendo comparável ao Museu da Língua Portuguesa e ao Museu do Futebol, em São Paulo. É um museu totalmente tecnológico voltado para expor o acervo do patrimônio cultural material e imaterial do estado de Sergipe, através de instalações interativas e exposições itinerantes. Instalado no antigo prédio do Colégio Atheneuzinho, o prédio foi totalmente restaurado pelo Banco do Estado de Sergipe (Banese), seu mantenedor, em parceria com o Governo do Estado. Considerado um marco histórico para o Estado de Sergipe, o museu conta com persos espaços expográficos, como "Nosso Cabras", “Nossos Pratos”, "Nossas Praças", "Nossas Festas", "Nossos Leitos", além de exposições temporárias, a exemplo de 'Mamulengo de Cheiroso: A Magia no Teatro de Bonecos', atualmente em cartaz.  O espaço também dá lugar a eventos culturais que já fazem parte do seu calendário, como a 'Folia da Gente', 'São João da Gente Sergipana', 'Agosto: Mês das Culturas da Gente', 'É tempo de Criança' e 'Natal da Gente Sergipana'. Além das instalações permanentes, exposições temporárias e uma programação persificada de eventos e apresentações artísticas, o Museu da Gente conta com mais dois espaços que completam o mergulho na alma do povo sergipano e que através da culinária e do artesanato destacam as riquezas do patrimônio cultural da nossa gente: o Café da Gente e a Loja da Gente. http://www.museudagentesergipana.com.br/   Museu de Zoologia da USP – São Paulo O Museu de Zoologia teve seu início na década de 1890 quando persas coleções formaram o Museu Paulista. Em 1890, o Conselheiro Francisco Mayrink doou ao Governo do Estado de São Paulo uma coleção de história natural, que havia sido reunida por Joaquim Sertório a partir de 1870. Esse acervo foi então organizado junto à Comissão Geográfica e Geológica e, incorporado a outros, fez parte do Museu Paulista que ocupou o prédio-monumento inaugurado em 1895 no Bairro do Ipiranga, no município de São Paulo, estado de São Paulo. Nos 40 anos seguintes, muitos trabalhos foram desenvolvidos com o auxílio das crescentes coleções zoológicas, botânicas, etnográficas e históricas abrigadas no Museu Paulista. http://mz.usp.br/pt/pagina-inicial/   Museu da Moda – Belo Horizonte O Museu da Moda de Belo Horizonte - MUMO, inaugurado em 2016, surgiu como uma evolução do Centro de Referência da Moda, criado em 2012. Tornou-se, então, o primeiro museu público de moda do Brasil e importante marco para o reconhecimento da moda como bem cultural da capital. Com essa iniciativa, reforçou-se o reconhecimento da moda como bem cultural e patrimônio nacional, por meio da adoção, pela instituição, de um programa dinâmico e variado. Os espaços da instituição são entendidos para além de exposições, encontrando-se também abertos para criação, fruição e experimentação. O MUMO tem como missão “preservar, pesquisar e difundir acervos referentes à moda na capital mineira, em suas múltiplas facetas, dialogando com a contemporaneidade e estimulando o pensamento crítico”. Nesse sentido, pretende “ser uma instituição de referência em memória, conservação e pesquisa de moda, indumentária e comportamento”. http://portalbelohorizonte.com.br/o-que-fazer/arte-e-cultura/museus/museu-da-moda-mumo   Museu Casa da Hera – Vassouras – Rio de Janeiro Instalado em uma chácara , o palacete, construído em 1830, possui 22 cômodos que abrigam um valioso acervo de peças do século 19, como móveis, quadros, porcelanas, pratarias, objetos de uso pessoal, indumentárias e utensílios domésticos. Entre os destaques estão uma série de roupas assinada por mestres da alta costura internacional da época, como Charles Worth; um dos dois únicos exemplares do piano francês Henri Herz em funcionamento no mundo (o outro está em Estrasburgo, na França); e utensílios em madeira assinados por Carlos Spangemberg, que fazia as bengalas de D. Pedro II. http://mapadecultura.rj.gov.br/manchete/museu-casa-da-hera   Museu Julio de Castilhos – Porto Alegre – Rio Grande do Sul O Museu foi idealizado por Julio Prates de Castilhos e criado pelo decreto-lei no 589, de 30 de janeiro de 1903, pelo Presidente do Estado, Antônio Augusto Borges de Medeiros, denominado “Museu do Estado”. Em 1907, passou a chamar-se “Museu Julio de Castilhos”, em homenagem ao ex-presidente do Rio Grande do Sul, falecido em 1903. http://www.museujuliodecastilhos.rs.gov.br/     Museu Carlos Costa Pinto – Salvador - Bahia Inaugurado em novembro de 1969 em uma das avenidas mais nobres da cidade – o Corredor da Vitória –, o Museu Carlos Costa Pinto abriga exposições permanentes e temporárias, programação cultural, educacional e atividades formativas, acervo e uma biblioteca especializada em artes decorativas. O local abriga ainda o Balangandan Café, tornando-se um destino delicioso para um programa de fim de tarde. O museu retrata a vida da alta sociedade dos séculos 18 e 19. O local tem uma coleção particular da família Costa Pinto, que deu origem a 23 salas de exposição de arte decorativa e de pinturas. No acervo, 3.175 peças estão pididas em 12 coleções. Entre elas: Cristal, Desenho, Escultura, Gravura, Mobiliário, Ourivesaria, Pintura, Porcelana e Prataria. https://www.guiadasartes.com.br/bahia/salvador/museus/museu-carlos-costa-pinto https://www.salvadordabahia.com/experiencias/museu-carlos-costa-pinto/     Museu de Arte da Pampulha – Belo Horizonte – Minas Gerais O Museu de Arte da Pampulha (MAP), em Belo Horizonte, é o principal centro de pulgação de arte contemporânea em Minas Gerais e uma das referências do setor no Brasil. Em seu acervo de mais de 900 obras, estão quadros de Cândido Portinari, Alberto da Veiga Guignard, Di Cavalcanti, Amilcar de Castro e Tomie Ohtake. Além de pinturas, compõem o acervo fotografias, objetos tridimensionais, gravuras, desenhos, material audiovisual e documentos. Fontes: Museu de Arte da Pampulha e Belotur http://portalbelohorizonte.com.br/o-que-fazer/arte-e-cultura/conjunto-moderno-da-pampulha/museu-de-arte-da-pampulha-map https://www.facebook.com/map.fmc/  
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia